segunda-feira, 10 de julho de 2017

A SECRETÁRIA DE ESTADO QUE NÃO SE DEMITIU

Três secretários de Estado pedem demissão por viagens no Euro 2016

Rocha Andrade, Jorge Costa Oliveira e João Vasconcelos pedem exoneração de funções.Jornal de negócios 10.7.2017
(Foram infantis na aceitação dos convites. Muito mal. Foram homenzinhos na demissão. Muito bem.)

Marido de Maria Luís Albuquerque contratado pela EDP

António Albuquerque, jornalista da área económica dispensado pelo Diário Económico há cerca de dois meses, começou recentemente a prestar serviços de consultoria nos projetos fora de Portugal do grupo EDP, segundo apurou a VISÃO. Albuquerque é casado com Maria Luís, a nova ministra das Finanças que, no último dia de 2011, enquanto secretária de Estado do Tesouro, concluiu a venda de uma participação de 21,35% na elétrica aos chineses da Three Gorges, por 2 700 milhões de euros.
Visão 3.7.2013

Acusada de desviar fundos já tem novo cargo nas Finanças

Ana Moura – a ex-vogal da comissão política do PSD Setúbal que está a ser investigada por desvio de fundos do partido e falsificação de documentos – mantém-se a trabalhar no Ministério das Finanças, apesar de ter sido exonerada do cargo de secretária pessoal da secretária de Estado do Tesouro.
maria luís albuquerque aceitou o pedido de demissão da sua assistente pessoal no dia 19 de junho, na sequência das notícias que davam conta que ana moura estava a ser investigada pelo psd almada por desfalcar o partido. mas, entretanto, deu-lhe um novo cargo na secretaria de estado, tal como revela o despacho de exoneração/nomeação já publicado em diário da república.
a assessora de imprensa das finanças confirmou ao sol a situação: ana moura «continua no quadro do pessoal de apoio técnico-administrativo da secretária de estado».
Sol 18.7.2012
(Comentários? Mas comentários para quê? Os factos dizem tudo.)

Sem comentários: