sexta-feira, 30 de setembro de 2011

A GARGALHADA DO DIA

“O meu bom nome e a minha honorabilidade pessoal e profissional foram nas últimas 24 horas objecto da mais dura prova de que alguém pode ser sujeito num estado de direito que se pretende livre e democrático”

Isaltino Morais

OUTROS FUTEBÓIS

Cabecilha da Juve Leo preso em rusga da PSP

Um dos cabecilhas da maior claque do Sporting, Juventude Leonina (Juve Leo), está entre os nove detidos de uma operação da PSP de Lisboa ontem realizada. Quatro dos presos estavam a ser investigados por participação em rixas em pelo menos duas partidas disputadas pelo Sporting em casa, no Estádio Alvalade XXI, enquanto os outros cinco foram apanhados por tráfico de droga.

CM

DE OUTROS

Luís de Sousa. “A corrupção é uma das maiores fragilidades da democracia portuguesa”

«I»

PASSOS DECISIVOS A CAMINHO DO MODELO SOCIAL CHINÊS


Mais horas de trabalho ou menos férias já em 2012


«I»

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

BERLIM AUTORIZA, A TROIKA FINANCIA, LUANDA CONCEDE, LISBOA DÁ O CORPINHO E A VASELINA. EIS, SENHORES, A SOBERANIA NACIONAL.



«Angolanos não se opõem à entrada do Estado no BCP - A petrolífera estatel angolana, Sonangol, que detém mais de 11 pct do capital do BCP, já fez saber a Passos Coelho que não será obstáculo à injecção de fundos públicos no banco.»

Público

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

DE OUTROS

"Apareceu há dias aí uma fascista do CDS, que é vice-presidente da Assembleia da República, que disse que íamos pagar a nossa e a dívida deles. Para essa senhora eu faço aquele gesto do Bordalo Pinheiro".

Alberto João Jardim
(Conselheiro de Estado)

terça-feira, 27 de setembro de 2011

PELOS CAMINHOS DA PIOLHEIRA

Ana Gomes diz ter a sensação que Seguro “não quer combater a corrupção”

Ana Gomes lamenta que António José Seguro faça do combate à corrupção uma prioridade, mas, na prática, não esteja disponível para entrar no debate sobre a criminalização do enriquecimento ilícito. “Continua a dar a sensação que o PS não quer, de facto, combater a corrupção”, diz ao i a eurodeputada.
A dirigente socialista, que foi apoiante de António José Seguro nas eleições internas, crítica a postura que o partido adoptou neste debate. Primeiro por ter aparecido na discussão com um diploma “muito fraco”, que trata “o enriquecimento ilícito como uma fraude fiscal” e, em segundo lugar, por não ter viabilizado os projectos da direita e da esquerda no debate parlamentar da última sexta-feira. O resultado, sustenta a eurodeputada socialista, foi que o PS “deixou-se isolar” na discussão sobre o enriquecimento ilícito.
«I»

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

EPISÓDIOS DA GUERRA COLONIAL


(Clicar para ampliar)

OS ORÇAMENTOS E O 'ESPAÇO VITAL'

Dizem os jornais de hoje que «A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu o agravamento de sanções a países da zona euro que não cumpram os critérios de estabilidade, incluindo a perda de soberania, em entrevista ontem à televisão pública ARD.» (Público)
Os jornais não referem, provavelmente por inexistentes, as reacções dos 'estadistas' europeus em exercício. Sinais dos tempos...
Ora acontece que não é a primeira vez que a ideia surge em Berlim e passa à prática por essa Europa fora. Ainda não há muitos anos, a Áustria foi anexada, a Polónia e a República checa invadidas e ocupadas, a Eslováquia 'satelizada', a França 'vichyzada', etc., etc., etc.
Com o Deutsch Bank no papel das divisões Panzer, o mundo volta a estar perigoso!

domingo, 25 de setembro de 2011

A ARTE DE JARDINAR

A dívida oculta da Alemanha


"A verdade" – é o título do Handelsblatt, que baseando-se em números espantosos, põe termo ao mito da alegada parcimónia do Estado alemão. Oficialmente, a dívida alemã, em 2011, é de 2 biliões de euros. Mas isso é apenas uma meia verdade, porque a maior parte das despesas previstas com reformados, doentes e pessoas dependentes não foram incluídas nesse cálculo. De acordo com os novos números, a dívida real ascende a mais 5 biliões de euros. Por conseguinte, a dívida da Alemanha atingiria 185% do seu produto interno bruto e não os 83% oficialmente anunciados.
PRESSEUROP

ELEIÇÕES REGIONAIS

PORRADA SE REFILAR

sábado, 24 de setembro de 2011

UM IMENSO ADEUS


(clicar para ampliar)

UM IMENSO ADEUS


«Mayakovsky, talvez o mais famoso dos futuristas, suicidou-se com um tiro dois anos mais tarde, deixando um curto bilhete com esta conclusão lacónica: "Honestamente, não há nada a fazer. Adeus."»

DE OUTROS



«O país olha hoje para a Madeira como um eleitor da Baviera olha para Portugal»

Fernando Madrinha
EXPRESSO

A GARGALHADA DO DIA


«O sorriso das vacas que estavam satisfeitíssimas olhando para o pasto»

Aníbal Cavaco Silva
(Poeta e pensador)

DEMOCRACIA DO TOMA LÁ DÁ CÁ

Dmitri Medvedev, presidente da Rússia, anunciou hoje que apoia a candidatura do actual primeiro-ministro Vladimir Putin ao cargo presidencial nas eleições de 4 de Março de 2012.

Por sua vez, Vladimir Putin propôs a candidatura de Dmitri Medvedev para número 1 da lista do Rússia Unida nas parlamentares de Dezembro de 2011, o que significa que ele será nomeado primeiro-ministro, caso essa força política vença as eleições.

DN

ORAÇÃO


Jardim: "Se Portugal e Madeira são dois países, dêem-nos a independência" (Público)


Seja feita a sua vontade
Assim nas ilhas como no 'contenente'
Ámen

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

SÔDADE


« A cantora Cesária Évora pôs um ponto final na sua longa carreira, anunciou esta sexta-feira a sua editora, a Lusafrica. A cabo-verdiana de 70 anos está fisicamente muito debilitada.» (Público)

A GARGALHADA DO DIA




Jardim: dívida de €5.000 milhões é "coisinha de nada"

EXPRESSO








quinta-feira, 22 de setembro de 2011

PELOS CAMINHOS DA PIOLHEIRA

«O PS decidiu hoje votar contra os projectos do PSD/CDS, PCP e Bloco de Esquerda sobre enriquecimento ilícito, considerando que "ferem gravemente" a Constituição ao transporem a inversão do ónus da prova para a lei criminal.

A posição dos socialistas foi tomada em reunião plenária do Grupo Parlamentar do PS e a orientação pelo voto contra foi sobretudo defendida pelo ex-ministro dos Assuntos Parlamentares Jorge Lacão.»

DN


UM IMENSO ADEUS



EPITÁFIO PARA ARISTIDES PEREIRA





UM DOS GRANDES RESPONSÁVEIS PELO 25 DE ABRIL

PUBLICIDADE

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

terça-feira, 20 de setembro de 2011

A GARGALHADA DO DIA

«Jardim alerta para a "muita canalhice à solta"»


DN

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

«


O secretário de Estado do Desporto e da Juventude, Alexandre Mestre, revelou esta terça-feira no Parlamento que a auditoria às facturas não contabilizadas que foram encontradas no Instituto de Desporto de Portugal (IDP) "confirmou dados muitos graves".»

DN

A COERÊNCIA NA COELHEIRA





NOTÍCIAS DA PIOLHERA

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

A ARTE DE JARDINAR

Um dia depois de negar a “dívida oculta”

Jardim diz que omitiu 1113 milhões em "legítima defesa" da Madeira


PÚBLICO

A GARGALHADA DO DIA


“Não foi sexo pago, foi uma falha moral”


Strauss-Khan

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

domingo, 18 de setembro de 2011

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

«Só na Madeira é que os madeirenses são obrigados a passar pela vergonha de ser possível decidir para si próprio, decidir para a sua própria empresa, pagar-se a si próprio com o dinheiro dos contribuintes. Esta é uma questão importante para o Presidente da República», apontou Francisco Louçã.

Da reunião de segunda-feira entre Passos Coelho e Cavaco Silva, o líder do Bloco de Esquerda disse que não espera apenas que se faça uma especificação das dificuldades financeiras que a Região Autónoma da Madeira coloca a todo o país e que fazem com que Portugal «passe uma vergonha» a nível internacional «pela falsificação das contas da Madeira».

«São precisas soluções e uma das mais importantes, além de se saber quem ficou com o dinheiro, é impedir que continue um regime que desafia a Constituição e que permite que responsáveis políticos votem partes do Orçamento Regional para si próprios. Uma lei de incompatibilidades entre o exercício dos cargos públicos e os interesses privados é indispensável para a higiene política da Madeira», sustentou Francisco Louçã.

SOL

NO CENTENÁRIO DE MANUEL DA FONSECA

(DO POSFÁCIO)

Clicar no texto para ampliar

VAMOS VER



Diz o dr. Mário Soares que o buraco financeiro da Madeiraé uma vergonha que não tem perdão”
Pois eu penso que é uma vergonha que não tem castigo.
Vamos ver quem tem razão...

NOTÍCIAS DA PIOLHERA

«PGR vai investigar ocultação de contas. Pena é de um ano de prisão e impedimento de exercer cargo público, mas só após condenação. Tribunal de Contas avisa sobre erros desde 2006.

O Tribunal de Contas percebeu desde 2006 que houve encargos assumidos pela Madeira que não foram inscritos no orçamento e denunciou em vários pareceres os erros das contas. O PGR vai "analisar" um possível crime de violação das normas de execução orçamental. Mas uma condenação demorará anos. Jardim soma 4400 inaugurações, fez projectos de milhões que não funcionam e é dono de 70 restaurantes.»


DN

BYE, BYE, ANGELA

Estão a decorrer as eleições regionais na capital do império.
De acordo com todas as sondagens, a conservadora Merkel averbará no seu curriculum mais uma estrondosa derrota, a oitava em eleições regionais.
Significa isto que a grande líder, com formato e ideias de bigorna, apenas venceu as eleições regionais de West Coast.
Orgulhemo-nos!



DE OUTROS

A escolha da Madeira

Miguel Sousa Tavares (www.expresso.pt)
0:00 Sábado, 17 de setembro de 2011

A grande ameaça, hoje, é que os "cubanos" se queiram ver livres da Madeira a qualquer preço.

No próximo dia 9 de Outubro, os madeirenses têm uma escolha decisiva a fazer, que vai muito além do significado de mais uma monótona eleição regional e mais uma inevitável vitória do personagem que os governa há 31 anos. Trata-se de escolher entre Portugal e o dr. Alberto João Jardim: tão simples quanto isso. Que os madeirenses não se importem nem tenham vergonha de serem governados por aquele que é o governante há mais tempo no poder desde que o coronel Kadhafi foi apeado pelo povo que tanto o amava, e por quem, não governando exactamente em ditadura, governa contudo numa palhaçada de democracia - em que controla toda a imprensa, despreza o Parlamento, insulta livremente os adversários a coberto de um regime de impunidade que fez votar, dispõe sobre todos os negócios públicos, manda nos clubes de futebol e emprega um séquito fiel de 30.000 funcionários regionais (24% dos empregados na Região) - é coisa que, a meu ver, fica mal aos madeirenses, mas, enfim, gostos não se discutem.



Ler mais: http://aeiou.expresso.pt/miguel-sousa-tavares=s23491#ixzz1YFls2gpv