terça-feira, 30 de novembro de 2010

RESPEITO E CREDIBILIDADE


O candidato à Presidência da República, Aníbal Cavaco Silva, quer voltar a ver Portugal como um "país respeitado e credível na cena internacional".
Bons e louváveis propósitos, pois claro.
É sempre bom ver que se pretende a regeneração deste esgoto a céu aberto em que o país se transformou, por obra e graça do engenheiro da 'Independente' e com a cooperação estratégica do venerando Chefe do Estado.
Mas não será fácil, digo eu, convencer a comunidade internacional de que algo mudará num país que vai continuar a ser liderado por Cavaco Silva, na Presidência, e J. Sócrates, no Governo.
A menos que... bom, a menos que reduzamos a 'cena internacional' à Venezuela, Líbia, Guiné Equatorial, Angola, China e Guiné-Bissau, países onde já gozamos de grande prestígio e que nos garantem credenciais de respeito e credibilidade.

75 ANOS

Bicarbonato de Soda

Súbita, uma angústia...
Ah, que angústia, que náusea do estômago à alma!
Que amigos que tenho tido!
Que vazias de tudo as cidades que tenho percorrido!
Que esterco metafísico os meus propósitos todos!

Uma angústia,
Uma desconsolação da epiderme da alma,
Um deixar cair os braços ao sol-pôr do esforço...
Renego.
Renego tudo.
Renego mais do que tudo.
Renego a gládio e fim todos os Deuses e a negação deles.
Mas o que é que me falta, que o sinto faltar-me no estômago e na
circulação do sangue?
Que atordoamento vazio me esfalfa no cérebro?

Devo tomar qualquer coisa ou suicidar-me?
Não: vou existir. Arre! Vou existir.
E-xis-tir...
E--xis--tir ...

Meu Deus! Que budismo me esfria no sangue!
Renunciar de portas todas abertas,
Perante a paisagem todas as paisagens,

Sem esperança, em liberdade,
Sem nexo,
Acidente da inconsequência da superfície das coisas,
Monótono mas dorminhoco,
E que brisas quando as portas e as janelas estão todas abertas!
Que verão agradável dos outros!

Dêem-me de beber, que não tenho sede!

Álvaro de Campos, in "Poemas"

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

GRANDE DESCOBERTA!

Diz o demissionário Secretário de Estado da Justiça, em entrevista ao jornal «I», que "Há uma cultura contra a Justiça em sectores do PS".
A descoberta, por tardia, leva a umas perguntinhas singelas: Em que país viveu esse senhor nos últimos cinco anos, antes da sua tomada de posse? Nunca ouviu falar de 'Furacão', 'Casa Pia', 'Freeport', Código Penal, Código do Processo Penal, Alberto Costa, etc., etc., etc.?
Oh, homem, diga-me o nome desse país para eu pedir asilo político. É que já estou farto de viver num esgoto a céu aberto a que deram o nome de West Coast...

É A KULTURA DOS MERCADOS, ESTÚPIDO!

«"Há uma falta de estratégia política do primeiro-ministro" na área da Cultura»

.
João Aidos
Director-geral das Artes

domingo, 28 de novembro de 2010

ESQUERDA BAIXA

Palavras em Rangum

«A televisão trouxe a notícia da libertação de Aung San Suu Kyi, e é claro que fiquei satisfeito. Sou em princípio a favor de todas as libertações, mas talvez desta ainda mais do que é costume. Não por Suu Kyi ser Prémio Nobel da Paz e Prémio Sakarov: na verdade são galardões que pela sua própria história me inspiram alguma desconfiança e dispenso-me de explicar porquê. Mas acontece que Suu Kyi é mulher e que para mais tem aquele arzinho fisicamente frágil que nos dá cuidados quando a imaginamos presa. É certo que na sua própria residência, que é capaz de ser mais confortável que a minha. Mas imagino que deve ser terrível para uma mulher, para mais senhora de boa disponibilidade financeira, não poder sair de casa para ir às compras no hipermercado mais próximo. Não sei, é claro, se há algum hipermercado nas proximidades da residência de Aung San Suu Kyi, mas é praticamente certo que o haverá em tempo próximo, quando a democracia por ela desejada chegar enfim a Mianmar, pois é também para isso, para a abundante instalação de hipermercados, que a democracia serve, também para isso foi reinventada.»

Correia da Fonseca

'Avante!»

sábado, 27 de novembro de 2010

A DIETA IMPOSTA PELO MINISTRO AUGUSTO ERNESTO

EXÉRCITO SEM DINHEIRO PARA COMIDA

«O Ministro da Defesa, Augusto Santos Silva, decidiu congelar todas as despesas de bens e serviços dos três ramos das Forças Armadas para o mês de Dezembro. O despacho, do passado dia 18, apanhou de surpresa as várias unidades militares e os responsáveis financeiros nos ramos.»
.
SOL
.
(Os pessimistas da sondagem - ver 'post' abaixo - têm razão: a merda não vai chegar para todos).

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

WEST COAST 2011

Resultados de uma sondagem sobre a economia:

50% de optimistas e 50% de pessimistas.

Os optimistas acham que em 2011 vamos todos comer merda.

Os pessimistas acham que a merda não vai chegar para todos.

(Recebido por e-mail)

HAJA SAÚDE!

Porto

Hospital compra fardas a estilista

Sindicato Independente dos Médicos acusa maior unidade do Norte de gastar mais de um milhão de euros nas vestes. Administração nega. (CM)

O TRIUNFO DOS PORCOS

O Orçamento do Estado para 2011 acaba de ser aprovado em votação final global. As contas do Estado foram viabilizadas com votos favoráveis do PS e a abstenção dos deputados do PSD, tal como aconteceu na aprovação do documento na generalidade. Os restantes partidos repetiram o voto contra. (RTP)

A GARGALHADA DO DIA

«Honramos os nossos compromissos.»
.
J. Sócrates
«I» 26.11.2010

MODELO SOCIAL CHINÊS

Portugueses trabalham mais horas pelo mesmo dinheiro


Bruxelas explica por que razão Portugal ainda cresce: empregados estão a trabalhar mais para compensar subida do desemprego.

DN

PETIÇÃO

http://www.deco.proteste.pt/servicos-basicos/electricidade-exigimos-custos-sem-extras-s627511.htm

GESTÃO EXEMPLAR

SOL

GESTÃO EXEMPLAR

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

O ESTRANHO CASO DOS GREVISTAS VERMELHOS

.
Os pobres assalariados que jogam no Benfica resolveram aderir à greve geral. Acho que fizeram muito bem, mas deviam, ao menos, ter garantido os serviços mínimos...

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

terça-feira, 23 de novembro de 2010

A NATA DA NATO

«A delegação da Geórgia que esteve presente na cimeira da NATO que se realizou no último fim-de-semana em Lisboa terá contratado 80 prostitutas. A notícia foi avançada hoje pelo 'Correio da Manhã'.

As mulheres já estariam contratadas e entraram no hotel onde a delegação estava instalada na companhia dos elementos da Geórgia. De acordo com o 'Correio da Manhã', a festa - à qual se juntaram alguns delegados arménios - foi bastante animada e incomodou o presidente francês, Nicolas Sarkozy. Elementos da delegação francesa queixaram-se do barulho.»
'Sábado'

DIÁRIO DE UM NÁUFRAGO

«A máquina alegrista está descontente e solta os desabafos: o apoio dos dirigentes do Partido Socialista, mesmo quando acontece "é de corpo presente" ou "pouco entusiasta" e é necessária uma maior "unidade" para levar o barco a bom porto. O PS tinha prometido que assim que Cavaco Silva apresentasse a recandidatura o partido entrava em força na campanha de Alegre. Mas quase um mês depois da entrada oficial em jogo do actual Presidente da República, assiste-se a uma insustentável ausência socialista.»
«I»

A DANÇA MACABRA

O PSD não vai votar favoravelmente as propostas de alteração ao Orçamento de Estado da oposição, anunciou Miguel Frasquilho.
.
DN

NOTÍCIA COMPLETA

«Mourinho esteve em Londres, foi a Madrid, já está em Amesterdão e pensa em Barcelona.»
Um jornal de 'referência' dá-nos, em título, a notícia acima transcrita.
Infelizmente, omite que o 'special one' também foi ao 'WC' e limpou o cu à página de desporto do 'Público'. Indesculpável.

HÁ MAIS VIDA PARA LÁ DA CIMEIRA DA NATO

Gonçalo M. Tavares vence Prémio do Melhor Livro Estrangeiro 2010 em França


O escritor Gonçalo M. Tavares é o vencedor do Prémio do Melhor Livro Estrangeiro publicado em França em 2010, com o romance “Aprender a Rezar na Era da Técnica”.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

A GARGALHADA DO DIA

«Portugal não precisa da ajuda de ninguém.»
.
J. Sócrates

domingo, 21 de novembro de 2010

A GRANDE OBRA DO "ENGENHEIRO DA INDEPENDENTE"

«Sessenta e seis mil famílias recorrem à rede do Banco Alimentar Contra a Fome (BACF) o que corresponde a mais de 200 mil pessoas, segundo a análise da Universidade Católica divulgada hoje.
.
Público

A EUROPA EM CONSTRUÇÃO

«A Comissão Europeia solicitou ao Governo italiano a devolução de 720 mil euros desviados do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) para pagar um concerto de Elton John em Nápoles.»
.
Público

HAJA SAÚDE!

«O Hospital de São João, no Porto, patrocinou cinco espectáculos infantis de Filipe La Féria, no valor de cem mil euros, com o objectivo de angariar fundos para o projecto Joãozinho, destinado a construir uma nova ala pediátrica. Mas a acção inédita de um hospital público "não teve o retorno esperado", garante fonte do hospital que acompanhou o processo. Por isso, o contrato estendeu-se agora ao Sítio do Pica Pau Amarelo, musical que estreou ontem no Politeama, em Lisboa. O acordo está a gerar indignação.»
DN

ESTADISTAS

«Sarkozy aparece envolvido noutro escândalo: a morte em 2002 de 11 engenheiros navais franceses no Paquistão. O gaullista Charles Millon, ex-ministro da Defesa de Chirac, revelou a um juiz de instrução que a venda de três submarinos franceses em 1994, por 826 milhões de euros, implicou luvas a personalidades francesas e paquistanesas. Parte das comissões terá pago a campanha para a Presidência da República, em 1995, do então primeiro-ministro Edouard Balladur, cujo braço-direito era Nicolas Sarkozy, então ministro do Orçamento.»
Expresso

ESTADISTAS

Berlusconi terá mantido laços com a Mafia

A revelação foi feita através de um acórdão lido no tribunal de Palermo.
Um senador próximo de Silvio Berlusconi, Marcello Dell'Utri, condenado em Junho, por um tribunal de recurso, a sete anos de prisão por cumplicidade com a Mafia, serviu de "canal de ligação" entre o actual primeiro-ministro italiano e a Cosa Nostra, a Mafia siciliana, de acordo com a sentença, só divulgada na sexta-feira.
O chefe mafioso terá garantido "protecção" a Berlusconi e aos seus mais próximos, de acordo com o acórdão lido no tribunal de Palermo. "O tribunal considerou provada a actividade de mediação efectuada por Dell'Utri e [o mafioso] Gaetano Cina como canal de ligação entre a Cosa Nostra, na pessoa do [chefe mafioso] Stefano Bontate e o empresário milanês Silvio Berlusconi", refere a sentença, de mais de 600 páginas, divulgada pela agência Ansa. Estes factos terão ocorrido na década de 70.
DN

sábado, 20 de novembro de 2010

O PODER DROGA?

Não sei, sinceramente, não sei que estranho mecanismo leva a que pessoas sérias e, muitas vezes, com carreiras profissionais brilhantes aceitem um lugar num Governo liderado por um tal José Sócrates.
E também não sei que estranhos pós e vapores circulam nos corredores do poder que levam a que esses mesmos 'servidores da causa pública', logo após a tomada de posse, se prestem a fazer figuras ridículas que, em condições normais, os fariam corar de vergonha.
Poderia referir vários exemplos (o daquele patusco que está de ministro da Administração Interna, o de Augusto Ernesto, da Defesa, o da aventureira da Educação, etc., etc., etc.) mas fiquemos pelo ministro das Obras Públicas: é professor catedrático do ISEG, uma prestigiada escola (nada de comparações com os professores de universidades 'Independentes' e equiparadas), professor convidado de universidades estrangeiras, igualmente prestigiadas.
Pois bem, a que assistimos? Depois de tomar posse, o homem parece uma barata tonta: anuncia portagens em algumas SCUT(s), pressionado, altera para todas as SCUT(s), contestado, isenta alguns concelhos. Promete a entrada em vigor para Julho, depois Agosto e por aí fora até Novembro. Suspende o concurso do TGV Lisboa-Poceirão, anuncia o lançamento do concurso do TGV Lisboa-Poceirão; lança a terceira ponte sobre o Tejo, suspende a terceira ponte sobre o Tejo; compromete-se com o adiamento das obras do TGV no troço Poceirão-Caia, anuncia as obras no troço Poceirão-Caia; agora, lê um discurso, no encerramento de uma sessão de profissionais do sector, que o seu secretário de Estado já tinha lido no início dos trabalhos...
Por tudo isto ser triste, muito triste, e por não ser fado, pergunto: não haverá por aí um psiquiatra que recomende ao homem uma Casa de Repouso?

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

A GARGALHADA DO DIA

«O ministro das Obras Públicas, António Mendonça e o secretário de Estado, Paulo Campos, repetiram hoje o mesmo discurso a abrir e a fechar o último dia do congresso da APDC.»
.
'Expresso online'

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

A GARGALHADA DO DIA

«Para o líder do executivo português, a Cimeira da NATO, que na sexta feira começa em Lisboa, representa a "centralidade do prestígio que Portugal tem na cena internacional".»
.
Lusa

CREDIBILIDADE

«Sócrates considera imoral a antecipação de dividendos da Portugal Telecom para evitar a tributação prevista no Orçamento do Estado do próximo ano»
RR - 4-11-2010
.

«PS chumba projecto do PCP sobre agravamento das taxas aos dividendos da PT»
«I» - 18-11-2010

INTERVALO MUSICAL

UMA PÉROLA

A livraria Lello foi eleita a terceira mais bela do mundo pela Lonely Planet
.
Guia australiano considera-a "uma pérola de arte nova", no seu top ten de locais a visitar em 2011.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

AS REPÚBLICAS

Temos, hoje, um Portugal-Espanha futeboleiro.
Diz-se que o evento, para além de operação de marketing destinada a garantir a organização conjunta do Mundial, se insere nas comemorações do centenário da República Portuguesa.
E, já que o jogo convoca a República, bom seria que se aproveitasse a oportunidade para homenagear a traída e massacrada República espanhola, evocando os nomes de Julian Besteiro, Vicente Rijo, Largo Caballero, Manuel Azaña, Juan Negrin, Santiago Carrillo, Federica Montseny, Luis Companys, Indalécio Prieto, Buenaventura Durruti, José Miaja.
Este é um 'onze' possível, mas quem não concordar pode escolher outra 'equipa'entre o milhão de mortos provocados pela cruzada do fascista e católico Francisco Franco.

VIAGEM AO VAZIO

.
O site da nova candidatura presidencial de Cavaco Silva apresenta aos portugueses "as ideias" do candidato.
.
«I»

A GRANDE OBRA DO "ENGENHEIRO DA INDEPENDENTE"

Desemprego volta a subir

A taxa de desemprego em Portugal voltou a subir. O valor apurado para o terceiro trimestre de 2010 foi de 10,9%, revelou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística
CM

NOTÍCIAS DA PIOLHEIRA

Instituto que gere recursos da Justiça esconde contas relativas aos dois últimos anos
Por Mariana Oliveira

Relatórios de contas e planos de actividades de 2008 e 2009 não estão disponíveis no site apesar de a lei-quadro dos institutos obrigar a essa divulgação.
.
Público

NOTÍCIAS DA PIOLHEIRA

Assessor do PS na Câmara de Lisboa recebeu 41.100 euros indevidamente
.
Por José António Cerejo
.
Jovem dirigente do PS ganha o salário de assessor a tempo inteiro ao mesmo tempo que recebe subsídios do IEFP para criar o seu posto de trabalho. Empresa criada está inactiva

Um jovem de 26 anos, sem currículo profissional nem formação de nível superior, foi contratado, em Dezembro, como assessor técnico e político do gabinete da vereadora Graça Fonseca na Câmara de Lisboa (CML). Remuneração mensal: 3950 euros ilíquidos a recibo verde. Desde então, o assessor - que estava desempregado, fora funcionário do PS e candidato derrotado à Junta de Freguesia de Belém - acumulou esse vencimento com cerca de 41.100 euros de subsídios relacionados com a criação do seu próprio posto de trabalho.
Público

PETIÇÃO

http://www.petitiononline.com/dglb/petition.html

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

OS INOCENTES

Os alegres rapazes que tratam da vidinha em S. Bento e ilhéus adjacentes não têm, como se sabe, qualquer responsabilidade na crise que dia a dia, hora a hora se agrava.
Os culpados foram sucessivamente: os americanos com a 'bolha' do imobiliário, os gregos com as vigarices nas contas públicas, os espanhóis con la ampolla en el inmobiliario, os irlandeses a contas com bpns elevados à décima potência.
Já só falta culpar a Somália com os seus piratas e a Guiné-Bissau com os narco-traficantes.
E depois? Bom, depois e corridos todos os países do mundo, restará aos alegres rapazes de S. Bento ressuscitar a desculpa da pesada herança do Vasco Gonçalves...

O MENDIGO 'FASHION' OU A NOVA IMAGEM DA WEST COAST

Longe vão os tempos em que um manequim, vestido com roupa desportiva de marca, se exibia, correndo, nas praças de todo o mundo em acções ridículas de promoção pessoal.
Agora, e mantendo o vício das corridas, corre de porta em porta, em busca de agiotas que queiram comprar dívida pública portuguesa.
É tempo de os assessores de imagem da criatura começarem a anunciar as viagens ao estrangeiro como fazem os feirantes de carrosséis: «Mais uma viagem, mais uma corrida e, já agora, mais uma esmola!»

domingo, 14 de novembro de 2010

O RIGOR ORÇAMENTAL DO "ENGENHEIRO DA INDEPENDENTE"

Em tempo de cortes, Governo fez 270 nomeações num mês e meio


Desde que anunciou o pacote de medidas de austeridade do PEC III, o Executivo liderado por José Sócrates tem contratado uma média de 45 novos funcionários por semana, para assumirem cargos no Governo e na administração directa e indirecta do Estado.
DN

JÁ SÓ FALTA A GUINÉ-BISSAU

.
«Timor-Leste poderá vir a comprar, em breve, títulos de dívida pública portuguesa, disse hoje em Macau o presidente timorense, José Ramos-Horta. A SIC avançou que a ideia partiu de José Sócrates.»
.
DN

sábado, 13 de novembro de 2010

RATAS DE ESGOTO

APÓS 5 ANOS DE PATRIÓTICO SONINHO...

«Esquerda do PS e figuras do soarismo procuram alternativa a Sócrates para "Governo patriótico"»
.
Público

O E$TADO DO E$TADO

FACE OCULTA PJ ENCONTROU NAS BUSCAS AO EX-VICE-PRESIDENTE DO BCP CORRESPONDÊNCIA CARIMBADA PELO STAFF DE JOSÉ SÓCRATES E QUE LHE ESTAVA ENDEREÇADA PESSOALMENTE. O ASSUNTO ERAM AS FARMÁCIAS
.
CARTAS DO GABINETE DO PM EM CASA DE VARA
.
Expresso

LIVROS - AS VÍTIMAS DO COSTUME

Quinze escritores em carta aberta à ministra da Cultura
«O livro representa, hoje em dia, um espaço de transformação acelerada a que nenhum de nós pode ficar indiferente. Sobre o livro repousa uma herança segura e ergue-se um futuro de novos contornos ainda indefinidos. Certo, porém, é que todos queremos que, através dele, sejam resguardados os valores fundamentais do Humanismo e da Cultura. Por isso os estados desenvolvidos, designadamente os europeus, não abdicam de preservar as instituições que os salvaguardam.
Entre nós, conhecidos por estarmos no fundo das estatísticas no que a estes campos diz respeito, vimos, para felicidade de todos, ao longo das últimas décadas, a situação alterar-se. A implicação activa do Estado Democrático foi determinante nessa mudança da qualificação dos cidadãos. No que diz respeito à leitura, o Instituto Português do Livro foi a cabeça promotora dessa alteração. Além disso, desde que foi criado, em 1980, e através duma história rica em acontecimentos, é inegável que a promoção da Literatura portuguesa e lusófona, tanto em Portugal como no estrangeiro, se deveu muito ao esforço de encontrar e estimular parceiros para a edição e difusão dos nossos autores. A sua eficácia tem sido amplamente reconhecida. Apesar dos magros recursos, o IPL foi até há pouco considerado uma instituição modelar perante as suas congéneres. No entanto, nos últimos tempos, ficou bem claro o desinvestimento a que foi sujeito, designadamente com a passagem de Instituto a Direcção Geral .
Mesmo assim, isso não impediu que essa imagem institucional, para as entidades e personalidades estrangeiras que procuram apoio e conselho para iniciativas ligadas ao livro se mantivesse. Nem a redução drástica de meios foi obstáculo a que a experiência e o empenhamento dos funcionários do Instituto e, depois, da Direcção Geral, sempre tivessem respondido às várias solicitações, a que se deve acrescentar o excelente trabalho da rede de Bibliotecas Públicas nascida da iniciativa do IPL.
É por isso com estupefacção que os abaixo-assinados tomaram conhecimento daquilo que, na prática, é a extinção do único organismo que representava o empenhamento do Estado Português, através do Ministério da Cultura, numa das áreas que melhor tem representado o nosso país na sua transformação democrática: a difusão da sua literatura. Se isto não significa, como é óbvio, o fim da criação literária, nem o fim dos hábitos de leitura, nem o fim do livro, esta fusão vem dar no entanto uma imagem cada vez mais pobre de um mundo político que confunde gestão de meios com o extermínio cego das instituições que funcionam.
A reintegração da gestão dos assuntos do livro e da leitura na Biblioteca Nacional de onde em devido tempo foi autonomizada, significa a desvalorização, secundarização e desprezo por todo um sector que está em mudança, que carece de elos de coordenação, confrontação com as práticas globais, protecção das obras literárias portuguesas e lusófonas, articulação com os agentes nacionais e estrangeiros que as difundem. A dispersão das pessoas que conhecem o assunto, a desintegração dos saberes acumulados, a redução drástica de meios, significarão um retrocesso real e efectivo e nós não nos conformamos com esta perda.
Creia, Senhora Ministra, que o protesto que fazemos é um sinal de indignação, mas também de desalento perante o rumo que está a ser dado a este sector da Cultura no nosso País, e que nenhuma crise económica, que aceitamos ser grave e obrigar a sacrifícios, justifica.»
Pedimos-lhe que reconsidere.

Lisboa, 10 de Novembro, 2010

Ana Luísa Amaral • Almeida Faria • António Lobo Antunes • Gastão Cruz • Gonçalo M. Tavares • Hélder Macedo • Hélia Correia • Inês Pedrosa • Lídia Jorge • Maria Velho da Costa • Mário de Carvalho • Mário Cláudio • Nuno Júdice • Pedro Tamen • Vasco Graça Moura.

O CARCEREIRO

«Os Estados Unidos devem processar o antigo Presidente George W. Bush por ter permitido o recurso a tortura por afogamento simulado durante interrogatórios a suspeitos de terrorismo na prisão de Guantánamo, defende a organização de direitos humanos Amnistia Internacional.»
.
Público