terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

PELO FIM DA PESTE


A defesa mais importante de Tiago Sá: «Diz não à violência doméstica»

Record

AS PALAVRAS A MAIS

David Justino diz que Marques Mendes às vezes também faz papel de idiota

TSF

Ó sô Justino, era mesmo necessário dizer "às vezes"?

O CROWDFUNDING DAS SEGURADORAS



segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

HAJA HIGIENE!

SKINHEAD E BERLOQUE DA DIREITA


UM PECADO DO SANTINHO KAROL WOJTYLA

Papa Francisco aprova a reabilitação de sandinista Ernesto Cardenal

O padre humilhado publicamente por João Paulo II por ter apoiado a revolução da guerrilha de esquerda na Nigarágua poderá voltar a administrar sacramentos. Mas o perdão chegou aos 94 anos e quando está doente.
Público

domingo, 17 de fevereiro de 2019

Ó! MAIS UMA GRANDE SURPRESA...

Controlinveste deixa dívidas de 548 milhões ao BCP e Novo Banco

Joaquim Oliveira pede a insolvência da holding que deve 406 milhões de euros ao BCP e 142 milhões ao Novo Banco.
Público


CONTABILIDADE DE LACERDA

CTT “penduraram” custos do banco no serviço universal postal

Os auditores contratados pela Anacom concluíram que os CTT têm imputado ao serviço universal postal custos relacionados com o Banco CTT. Regulador quer que a empresa corrija falhas. Correios têm 20 dias úteis para se pronunciarem sobre a decisão.
Público

sábado, 16 de fevereiro de 2019

A SORBONNE NÃO QUER CONCORRER COM O CHAPITÔ



Sorbonne admite tirar mestrado a Sócrates

Expresso

E LÁ AO LONGE, SOOU A TONITRUANTE GARGALHADA DO CATROGA


Carlos Moedas: “Nós éramos duríssimos com a EDP”

Público

FINALMENTE, O DESPEJO DE UM DOS DITADORES MAIS SANGUINÁRIOS DO SÉCULO XX



O Governo socialista espanhol confirmou esta sexta-feira, numa conferência de imprensa na ressaca do Conselho de Ministros, a exumação do corpo de Francisco Franco sepultado no Vale dos Caídos, conta o “ABC”. A família tem agora 15 dias para reclamar os restos mortais do ditador, caso contrário o Executivo ainda liderado por Pedro Sánchez terá de escolher o lugar do enterro.
Expresso

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

POIS, POIS... #SHE TOO


Presidente do CSM defendeu sanção a juíza que assinou acórdão do juiz Neto de Moura

SIC 

SUGESTÃO


quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

COITADINHOS, VALHA-LHES A SANTA ISABEL (JONET)

OS POBREZINHOS

- Guerra Junqueiro -
 
Pobres de pobres são pobrezinhos,
Almas sem lares, aves sem ninhos.
Passam em bandos, em alcateias
Pelas herdades, pelas aldeias.

E em Novembro, rugem procelas...
Deus nos acuda, nos livre delas.
Vêm por desertos, por estevais,
Mantas ao ombro, grandes bornais,
Como farrapos, coisas sombrias,
Trapos levados nas ventanias ...
Filhos de Cristo, filhos de Adão,
Buscam no mundo côdeas de pão!

Há os ceguinhos, em treva densa,
De olhos fechados desde nascença.
Há-os com f'ridas esburacadas,
Roxas de lírios, já gangrenadas.
Uns, de voz rouca, grandes bordões,
Quem sabe lá se serão ladrões!...
Outros humildes, riso magoado,
Lembram Jesus Cristo que ande disfarçado ...
Enjeitadinhos, rotos, sem pão,
Tremem maleitas, de olhos no chão ...
Campos e vinhas! Hortas com flores!
Ai, que ditosos os lavradores!
Olha: fumegam tectos e lares ...
Fumo tão lindo ... branco, nos ares!
Batem às portas, erguem-se as mães,
Choram meninos, ladram os cães ...
Rezam e cantam, levam a esmola,
Vinho no bucho, pão na sacola.
Fruta da horta, caldo ou toucinho.
Dão sempre os pobres a um pobrezinho.
Um, que tem chagas, velho coitado,
Quer ligaduras ou mel rosada
Outro, promessa feita a Maria,
Deitam-lhe azeite na almotolia,
Pelos alpendres, pelos currais,
Dormem deitados como animais.
Em caravanas, em alcateias,
Vão por herdades, vão por aldeias ...
Sabem cantigas, oraçõezinhas,
Contos de estrelas, reis e rainhas ...
Choram cantando, rezam penando
Ai, só a morte sabe até quando!...
Mas no outro mundo Deus lhes prepara
Leito o mais alvo, ceia a mais cara ...
Os pés doridos lhos lavarão
Santos e santas com devoção!
Para lavá-los, perfumaria 
Em gomil de ouro, de ouro a bacia.
E, embalsamados, transfigurados,
Túnicas brancas, como em noivados,
Viverão sempre na eterna luz,
Pobres benditos, amem Jesus!

GENTE QUE CONTA












https://arquivos.rtp.pt/conteudos/grande-plano-de-nuno-braganca/

GESTÃO DE LACERDA

Reclamações contra os CTT subiram 36% em 2018

Público
CTT confirmam dividendo e entregam aos accionistas o dobro dos lucros obtidos
Jornal de Negócios

Para os accionistas, a fabulosa gestão Lacerda. Para os clientes, os incríveis serviços de merda. Rima e é verdade.



quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

POLUIÇÃO

Um governador contaminado

Carlos Costa esteve lá. O governador do Banco de Portugal viu, cheirou e tocou. Estava dentro da Caixa, quando os milhões passavam por debaixo de narizes sensíveis que não farejavam o risco. Em Portugal começa a haver um historial endémico de figurões que não sabem, não se lembram, não percebem nem imaginavam o que se passava sob as suas sensíveis narinas. Pouco se saberia, se não fosse a pressão pública, da imprensa ou do Parlamento (apesar das imperfeições, este arremedo de democracia ainda vai funcionando).
Vítor Matos
Expresso

SEM SURPRESA





PS contra exoneração do governador do Banco de Portugal

Público

SUGESTÃO


Os Cinco Pilares da PIDE

A prestigiada historiadora Irene Flunser Pimentel apresenta-nos um retrato rigoroso de cinco das principais figuras que marcaram a PIDE/DGS pelas suas actividades, atitudes e tomadas de decisão: Barbieri Cardoso, Álvaro Pereira de Carvalho, José Barreto Sacchetti, Casimiro Monteiro e António Rosa Casaco. Perceber quem eram estes pilares, a sua ascendência, as suas convicções, a forma como entraram para a PIDE, como subiram na carreira, como reagiram perante determinadas situações, bem como viveram o pós-25 de Abril, é também perceber a história da PIDE/DGS, pois uma instituição é, sobretudo o que os seus responsáveis fazem dela. Uma perspectiva inovadora e essencial para compreender a História de Portugal Contemporânea.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

EUREKA!

“Carlos Costa não tem condições para ser governador do Banco de Portugal”

Mariana Mortágua defende que há um conflito de interesses devido ao envolvimento do governador do Banco de Portugal com a CGD na altura em que a sua administração concedeu créditos de risco injustificados. Por isso, a deputada anunciou que o Bloco apresentou no Parlamento um projeto de resolução que recomenda ao governo a sua exoneração.