quarta-feira, 23 de maio de 2018

terça-feira, 22 de maio de 2018

MERCEARIAS CONTINENTE - GRANDE PROMOÇÃO

Público

UM IMENSO ADEUS

Morreu António Arnaut

BAIXAS IMPORTANTES NO VISCONDADO DE ALVALADE



O juiz de instrução criminal do Tribunal do Barreiro decretou hoje a medida de coação de prisão preventiva a todos os 23 arguidos detidos na sequência das agressões de terça-feira na Academia do Sporting, em Alcochete.

segunda-feira, 21 de maio de 2018

A INSUPORTÁVEL LEVEZA DO DIRIGISMO DESPORTIVO

Como nascem os Brunos de Carvalho. E porque devem ser mortos à nascença
Os Brunos de Carvalho do futebol antecipam o que poderá ser um dia o aparecimento dos Brunos de Carvalho da política. E, a avaliar pelo que vimos no Sporting, o povo está maduro para lhes abrir os braços. O povo e as pretensas elites, que se julgava educadas para defender a democracia contra a demagogia. Talvez tenham complexos de enfrentar os demagogos quando eles se reclamam do povo e se dizem seus defensores. Mas é assim mesmo que morrem as democracias: às mãos dos demagogos e pela deserção das elites. Desejo sinceramente que o Sporting não morra. Mas, se morrer, ou se for ao fundo durante uns anos, ao menos que sirva de exemplo.

Miguel Sousa Tavares
Expresso

OS EURO-MAINATOS

"Queremos continuar a ser a lavandaria de Angola e isso envergonha-me"

Daniel Bessa

domingo, 20 de maio de 2018

CRIMINOSOS À SOLTA

"O que se passa diante dos nossos olhos, trazido pelas prestimosas televisões e por uma multiplicidade de directos na rádio e capas de jornais, não engana ninguém. Só não vemos porque não queremos ver. As claques de futebol dos grandes clubes são as únicas associações de criminosos que funcionam à luz do dia. Esta gente viola todas as leis, matam pessoas, praticam extorsões várias, organizam gangues, com negócios obscuros, droga, protecção e segurança nocturnos e diurnos, executores de vinganças e ajustes de contas, e exércitos que desfilam nas nossas ruas protegidos pela polícia como animais perigosos que de facto são. Ah! bela juventude com as nossas cores, azuis, vermelhas e verdes, a que só falta cantar a Giovinezza ou o Cara al Sol! E é mais por ignorância do que por falta de vontade."

J. Pacheco Pereira
Público

OS SEGREDOS DA JUSTIÇA

Reitor da Fernando Pessoa condenado a prisão com pena suspensa por desviar 2,2 milhões

Tribunal aplica pena de um ano e três meses de prisão a Salvato Trigo, pena suspensa por igual período, após julgamento à porta fechada.
Público

sábado, 19 de maio de 2018

ESTE PAÍS NÃO É PARA REPUBLICANOS






Hoje, a 'informação' televisiva divide-se entre a felicidade do príncipe Harry e a infelicidade dos 'herdeiros' do senhor visconde de Alvalade.
Muito sofre um republicano benfiquista...

A ALEGRE DESCOBERTA DA PÓLVORA

DN

ÓPERA BUFA

O Bruninho está contra o Governo, presidente da Assembleia da República e Presidente da República.
Preparem-se: mais dia menos dia, o garoto vai aparecer no Terreiro do Paço com dois tanques da Toys R Us e vai anunciar à comunidade lagarteira e ao mundo a independência do novo estado de Alvaláxia com o seu império ultramarino de Alcochete.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

ALCOCHETE


Quando as estações televisivas fazem longos diretos com os borra-botas em coluna fascista atravessando a cidade à ida e vinda de um jogo de futebol. Quando se mandam polícias pastorear borra-botas pela cidade. Quando os líderes dos clubes são boquirrotos. Quando as capas de jornais desportivos privilegiam as palavras dos boquirrotos em vez do rasgo corrido de Gelson. Quando colunistas de jornais aceitam mostrar-se indigentes, já que o assunto é, julgam eles, só de camisola e emblema. Quando essa arte e ciência que encanta miúdos e velhos é comentada em prime time por tipos talvez de meia-idade e certamente com um terço de inteligência. Quando, com muito share, insultos recíprocos são trocados por gente paga, cara e cara separadas por um palmo mas nunca havendo um gesto honrado que desagrave os desaforos lançados nos perdigotos. Quando as assembleias gerais presididas por bombeiros incendiários têm mais destaque do que o ato luminoso do Perdigão, do Desportivo de Chaves, a cuidar de uma bola. Quando os talentosos Paulinho, do Braga, e o Rafa, do Portimonense, são menos conhecidos do que o Pedro Guerra e o Francisco J. Marques, cujas conversetas têm o dom de tornar a alma dos adeptos mais pequena. Quando se vandaliza em grupo uma estação de serviço e já nem se noticia porque o autocarro dos gatunos e brutos vai a caminho de um estádio... Então, quando tantos miseráveis quandos se acumulam, arriscamo-nos a ver um admirável, forte e grande Bas Dost ferido e com uma lágrima por nós todos.

Ferreira Fernandes
DN

O ELEVADO PENSAMENTO DO FILÓSOFO BRUNALHO

Bruno de Carvalho: "Isto foi chato mas o crime faz parte do dia-a-dia"
JN

quarta-feira, 16 de maio de 2018

PUDERA...

“Sócrates nunca se interessou pelo combate à corrupção”, lembra Cravinho

Ex-ministro socialista aponta o antigo primeiro-ministro como um dos principais bloqueios à legislação contra a corrupção que apresentou enquanto deputado. Quem esteve com Sócrates no Governo não tirou “quaisquer consequências políticas”.
Público