sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

HASTA LA VISTA, COMPAÑEROS!


SUGESTÃO


FUTESGOTOL

O guarda-redes Cássio e os defesas Marcelo, Nadjack e Roderick Miranda, este último entretanto transferido para o Wolverhampton, clube do segundo escalão do futebol inglês e treinado por Nuno Espírito Santo. Serão estes os quatro jogadores constituídos arguidos no âmbito da investigação do Ministério Público por, presumivelmente, terem recebido dinheiro para perder um jogo do campeonato da época passada frente ao Feirense, segundo avançou nesta quinta-feira a estação televisiva SIC.
Público

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

QUERES DEVOLUÇÃO DO IVA? TOMA!

 "Partidos políticos: com a lei aprovada esta quinta-feira no Parlamento, deixam de ter um valor máximo para os fundos angariados e passam a poder pedir a devolução do IVA de todas as suas despesas." (Público)

A democracia tem um preço e estou, como sempre estive, disposto a pagá-lo. Pago um preço, mas não qualquer preço. Atribuir às seitas partidárias isenções fiscais que o fascismo atribuía às seitas religiosas (com particular destaque para a católica) é uma pouca-vergonha que só pode ter uma veemente resposta: 

Não!

  

O MELHOR DO JORNAL DAS MERCEARIAS CONTINENTE EM 2017

O jornal das mercearias Continente, agora dirigido pelo ex-assessor de Durão Barroso, publicou "O melhor do Público em 2017".
Certamente por lapso, esqueceu-se de elencar (bonita palavra) o saneamento de colunistas refractários do exército de salvação belmiro-paSSos-dinisista.
Recordemos:
A minha colaboração com o Público termina este mês, por iniciativa da actual direcção, de David Dinis. Estou no jornal desde a sua fundação. Saí dos quadros da empresa em 2013, por minha decisão, mas mantive um acordo de colaboração regular. Chega agora ao fim uma intensa e fecunda relação de 27 anos, no mesmo momento em que são dispensados do jornal nomes tão fundamentais da imprensa portuguesa como Alexandra Lucas Coelho e José Vítor Malheiros. 
Continuarei a fazer reportagem, a escrever e a publicar onde quer que o Jornalismo seja valorizado.
O recém-empossado director do “Público”, David Dinis, propôs reduzir a minha crónica semanal a mensal e cortar para metade a remuneração de cada crónica. Recusei por considerar que essa proposta esvazia o diálogo com o leitor e reduz a remuneração a algo indigno. Nenhuma outra proposta foi feita. Cumprirei, pois, o contrato que tenho até 31 de Março, e a partir daí encerra-se a minha relação de 19 anos com este jornal. Registo que isto acontece na sequência de David Dinis ter dispensado José Vítor Malheiros(link is external) e Paulo Moura(link is external), nomes fundamentais na história do “Público”, e do jornalismo português. Registo ainda o facto de os três estarmos claramente à esquerda do que é o posicionamento do recém-empossado director.
A recente dispensa de Alexandra Lucas Coelho e de Paulo Moura - dois dos melhores repórteres e dos mais originais autores da sua geração - pode ser sinal de muitas coisas quanto à orientação editorial do Público. Mas é certamente sinal de uma: a aposta na qualidade e na diversidade de pontos de vista não é um dos eixos da nova estratégia do Público.

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

O PRESIDENTE BISPO


Sinceramente, sinceramente, parece-me que a actuação febril de Marcelo, nesta quadra natalícia, com o espectáculo mediático que a secunda, é mais adequada a um bispo de Cascais sedento de fama do que a um presidente da República.

GUERRA COLONIAL - O CRIME CONTINUADO

Ernestina e “os lutos inacabados do império”

Durante os primeiros seis anos da guerra colonial, o Estado só pagava o regresso de militares vivos. Permanecem até hoje enterrados em África cerca de 1500 corpos. Muitas famílias já os esqueceram, algumas ainda não.
Público

CHEGA DE "DEUS, PÁTRIA, FAMÍLIA"

Associação quer fim da mensagem de Natal do Cardeal Patriarca na RTP

Tomada de partido contra o direito à morte assistida na mensagem deste ano provoca reacção da Associação República e Laicidade.
Público

O PADEIRO FEDORENTO


A Padaria Portuguesa está envolta numa nova polémica depois de colocar vários bolos-rei no lixo
SAPO

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

domingo, 24 de dezembro de 2017

Ladainha dos Póstumos Natais

Ladainha dos Póstumos Natais


Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que se veja à mesa o meu lugar vazio 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que hão-de me lembrar de modo menos nítido 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que só uma voz me evoque a sós consigo 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que não viva já ninguém meu conhecido 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que nem vivo esteja um verso deste livro 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que terei de novo o Nada a sós comigo 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que nem o Natal terá qualquer sentido 

Há-de vir um Natal e será o primeiro 
em que o Nada retome a cor do Infinito 

David Mourão-Ferreira

HANNAH

Hannah Arendt. A passagem por Lisboa a caminho da liberdade

Sem pátria durante mais de duas décadas, a filósofa alemã refugiou-se em Lisboa, em 1941, até conseguir partir para os Estados Unidos. Os deputados do Livre na assembleia municipal propuseram agora que se assinale a casa onde Hannah Arendt viveu. Para que não se esqueça o passado e se reflicta no presente.
“É uma questão simbólica porque Hannah Arendt é uma das maiores filósofas do século XX”, refere o deputado do Livre, Paulo Muacho, ao PÚBLICO. “Com o drama dos refugiados que continua bastante presente, e sem resolução à vista, e todos os ataques aos direitos humanos a que temos assistido, consideramos que era importante manter a memória daquilo que se passou no passado e do que esta figura da Hannah Arendt representa”.

COMUNICAÇÃO SOCIAL



"Tenho a certeza de que se Hitler fosse vivo, hoje, seria considerado um tipo politicamente incorrecto e sem papas na língua e escreveria para o Observador, ia à RTP 3, jogava padel com o David Dinis e estava em quase todos os Prós e Contras e a Fátima tratava-o por Doutor Adolfo."

João Quadros

Jornal de Negócios

sábado, 23 de dezembro de 2017

CATALUNHA - UMA SEMANA DE VITÓRIAS




Real Madrid - 0



Barcelona - 3

ALERTA VERMELHO DA PROTECÇÃO CIVIL

OS DIRIGENTES DO FUTEBOL METEM NOJO E SÃO UM PERIGO PARA A SAÚDE PÚBLICA.


14,6 MIL MILHÕES DE EUROS QUANTOS ORDENADOS MÍNIMOS DE 580 EUROS SÃO?

Os encargos dos contribuintes com o salvamento e a ajuda aos bancos ascendem já a 14,6 mil milhões de euros, no período que vai de 2008 a 2016, e a fatura não está fechada. A maior ameaça continuam a ser os escombros do BPN, que deve muito dinheiro à CGD. Os números são do Tribunal de Contas (TdC) e vêm no Parecer sobre a Conta Geral do Estado referente ao ano passado, publicado nesta semana.

Só em juros - porque o Estado, sem verbas suficientes, teve de pedir dinheiro emprestado aos mercados para apoiar a banca - terão sido desembolsados 1,8 mil milhões de euros.
DN


BOA NOTÍCIA

Almedina - nova livraria no espaço das antigas oficinas Ricardo Leone, na rua da Escola Polítécnica, entre o Rato e o Príncipe Real

PRÉMIO

Gonçalo M. Tavares vence Prémio Literário Vergílio Ferreira

O júri destaca a originalidade da obra do escritor, que classifica como "um dos autores de língua portuguesa mais criativos da atualidade"."um dos autores de língua portuguesa mais criativos da atualidade".

sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

CATALUNHA



Neste momento e depois das eleições, reina uma certa confusão na Catalunha. Porém, algo ficou claro, claríssimo: a estrondosa derrota de Felipe VI (bisneto de Alfonso XIII) e desse   Miguel Primo de Rivera de opereta, o falangista Mariano Rajoy. 

OS SEGREDOS DA JUSTIÇA


Juiz Ivo Rosa sentiu-se ofendido e apresentou queixa contra os procuradores do caso EDP

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

PATRÕES INDIGNADOS

Eis a razão:
Salário mínimo sobe 76 cêntimos por dia


COITADINHO DO NAZI

“Contabilista de Auschwitz” alega “direito à vida” para contestar pena de prisão

Aos 96 anos, Oskar Gröning alega que o seu estado de saúde não lhe permitirá suportar o cumprimento de uma pena atrás das grades.

SAUDADES DE HANS FRANK OU DE BOLESLAW BIERUT?


Comissão Europeia pede punição para deriva anti-democrática da Polónia



(E então a Hungria e a Áustria? Pergunto eu.)

FUTESGOTOL



Pinto da Costa promete continuar a lutar pela "verdade no futebol"

Público

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

A RAPARIGA DO QUIOSQUE ESTÁ BEM E RECOMENDA-SE




Paula Brito e Costa volta à Raríssimas com dois seguranças


SIC NOTÍCIAS

CARTAZ ELEITORAL


A SOLUÇÃO MILAGROSA


À gestão incompetente, gestão danosa, banditismo puro, 'oferta' de empresas a amigos e correlegionários, sucede sempre a solução milagrosa:

Venda do Novo Banco à Lone Star deve implicar 400 despedimentos


Presidente da PT/Meo assume que despedimentos são estratégia da empresa

CGD terá de aumentar despedimentos se falhar metas

CTT admitem cortar 800 empregos nos próximos três anos


ELES ANDAM POR AÍ...




Na Áustria, tomou posse o novo Governo de coligação entre os conservadores e a extrema-direita. O Executivo é liderado por Sebastian Kurz, que, com apenas 31 anos, se torna o mais jovem líder europeu.
A tomada de posse realizou-se com uma manifestação de protesto à frente do palácio presidencial, contra o regresso do FPO ao poder, um partido fundado por ex-nazis, na década de 50.

TVI24


SEXO, CHARROS & FUGAS AO FISCO

A Comissão Europeia informou esta manhã que está a investigar os acordos fiscais da Holanda com a Inter Ikea, um dos grupos do negócio da multinacional Ikea. 

"A Comissão revela preocupação com dois acordos fiscais que podem ter permitido à Inter Ikea pagar menos impostos o que lhes terá dado vantagens injustas em relação a outras empresas, violando as regras de ajuda dos estados da União Europeia".

A investigação diz respeito a duas decisões fiscais, de 2006 e 2011, que reduziram a base tributável da Inter IKEA Sistems na Holanda 

RTP

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

AS NOSSAS ELITES - SUBSÍDIOS PARA A DEFINIÇÃO DE UM PERFIL


- São todos dótôres, até os licenciados da Independente, Lusófona e dos Quiosques do Saldanha.

- Lêem o Correio da Manhã, o Observador, a Margarida Rebelo Pinto, o José Rodrigues dos Santos, a revista Caras e o Financial Times.

- Usam Ai Pedes, Ai Podes e alguns dos mais velhos até usaram Ai Pides.

- Deslocam-se de BMW, com a imagem da Madre Teresa de Calcutá pendurada no espelho retrovisor.

- Frequentam as docas e as instituições de caridade.

- Moram no concelho de Oeiras e votam Isaltino.
  

OS INTELECTUAIS LATRINÁRIOS


"Trump presidente? Merda, merda, merda!" (1)

"A conquista de Centeno ocorreu no bordel ou no excel?" (2)


"Comer e cagar"(3)

"A merda é uma prova de vida. O resto é azar."

Calma, moços. Nada de começar já a dizer que a blogosfera é um antro de ordinarices, como fazem, habitualmente, os jornais e revistas "de referência". 
As frases de duvidoso gosto e manifesto mau cheiro que acabais de ler são títulos de artigos e crónicas publicados em jornais e revistas de gente fina e para gente fina. Publicações e autores têm nomes. Aí vão:
(1) Mafalda Anjos, revista Visão.
(2) Fernando Esteves, revista Visão.
(3) Miguel Esteves Cardoso, o genial MEC, jornal Público.


segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

ÁUSTRIA à FRENTE


Novo governo de direita e extrema-direita toma posse na Áustria

SUGESTÃO


O CANDIDATO

Só li o título, no 'Público':

PT formaliza apoio à candidatura de Lula da Silva à presidência

Resolução do Partido dos Trabalhadores formaliza o seu apoio ao ex-Presidente brasileiro julgado por um crime de corrupção.

E como só li o título, fiquei sem saber se a notícia se refere à candidatura à presidência do Brasil ou à candidatura à presidência da Associação de Reclusos da Cadeia de S. Paulo.

domingo, 17 de dezembro de 2017

A LETRINHA 'E', O BORDÃO DOS ALPINISTAS SOCIAIS

O obscuro director do Banco de Portugal que viajou para a Figueira da Foz para fazer a rodagem do carro era o Silva. O presidente do PSD que da Figueira da Foz regressou a Lisboa já era o e Silva.
A rapariguinha do quiosque que vendia a 'Crónica Feminina', o jornal 'O Crime', a raspadinha e a revista 'Caras' era a Costa. A boazona que aparece na fotografia da revista 'Caras' ao lado da rainha de Espanha e da madame e Silva é a 'dótôra' e Costa.

CINE PARAÍSO

VIEIRA & GUERRA, LDA


sábado, 16 de dezembro de 2017

QUALQUER DIA, LÁ TEREMOS O CARDEAL SARAIVA MARTINS A PROPÔ-LO PARA SANTO


Marcelo homenageado: é pastor num quadro a representar o presépio.

Expresso

O SEU A SEU DONO



Aquele rapazinho javardo-fascistóide que vomita postas de pescada sobre o Alentejo e é colunista do 'Expresso', o Henrique Raposo, anuncia: "Jerusalém é de David". E eu acrescento: o restaurante da Buraca também é de David. 

QUESTÃO DE HIGIENE


"Não quero ver dentro do meu clube gente que não o prestigia. E tenho legitimidade para o dizer. Não estou a correr com ninguém, façam o que quiserem. Não gosto é de ver essas pessoas no meu clube e tenho o direito de o dizer."

António Simões

DN

FUTESGOTOL



"As televisões portuguesas, ao alimentarem tribunas sectárias de falsa “análise” desportiva, são cúmplices do clima de ódio que está instalar-se no país. E, por essa via, são instrumentos conscientes de deseducação cívica. Escrevo-o sem a menor dúvida."

Francisco Seixas da Costa
JN

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

A ARTE DE MATAR LIVROS



Eis as capas de dois livros importantes, recentemente editados. Títulos, autores? Mistério.

DESASSOSSEGO

Um arquivo digital do Livro do Desassossego para ler e mexer

Arquivo LdoD, esta quinta-feira apresentado em Coimbra, é uma poderosa máquina literária, onde pode ver todos os documentos originais ou comparar as várias versões impressas da fragmentária obra-prima pessoana, mas também organizar a sua própria edição do livro.
Público

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

OS PREÇOS DAS PORNOGRAFIAS

Ciclicamente, somos confrontados com episódios da vida das nossas 'elites' políticas e fauna adjacente. E os episódios que nos são servidos, embora com molhos diferentes, têm os ingredientes comuns. A saber: ministérios, secretarias, institutos, fundações, bancos públicos e privados, fundos (perdidos, desviados, e achados, muito bem aproveitados...), euros aos milhões, detergentes às toneladas, marqueses, assessores, cúmplices, amantes, cornos aos pares, luxos em Paris, carros de alta cavalagem, passagens de ano em Veneza, férias nas Baleares, escapadelas para o Brasil, roupas de marca, champanhes, gambas, jóias, pós, indecências, porcarias, pornografias.
O guião é simples, tão simples como os enredos dos filmes pornográficos. Com uma diferença, porém: os filmes pornográficos chegam-nos pela internet a custo zero; a vida das nossas 'elites' custa-nos muitos milhões. 

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

O TSUNAMI DE MERDA


Por acção dos três 'manguelas' que lideram os 'três grandes', o futebol profissional transformou-se num esgoto a céu aberto.
Há quem estranhe a passividade do Ministério da Educação perante tão degradante espectáculo. Eu não. É que as questões de esgotos devem ser tratadas pelo Ministério do Ambiente. Assim, é a este Ministério que compete tomar medidas de saneamento básico para pôr fim ao tsunami de merda que nos ameaça em permanência.

SUGESTÃO

SINOPSE
Neste trabalho de alcance histórico e pés bem assentes na atualidade, Francisco Louçã e Michael Ash embrenham-se nos meandros da banca-sombra para explicar como se chegou ao atual estado de desordem e crise. Da desregulamentação dos reguladores à estagnação do crescimento, este é um livro indispensável para entendermos o mundo em que vivemos e as forças que o controlam, pré e pós-Donald Trump.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

PARA DESESPERO DOS MABECOS ENRAIVECIDOS. PARA AVISO AOS GERINGONÇOCÉPTICOS



88,7% dão nota positiva aos 2 anos de Governo

Quase 30% dos eleitores do PSD dão notas máximas ao Executivo. Inquiridos de PS, BE e PCP 100% satisfeitos.

Quase nove em cada dez inquiridos dá nota positiva aos dois primeiros anos de Governo. De acordo com a sondagem CM/Aximage, 88,7% dos eleitores fazem um balanço muito bom, bom ou assim-assim da prestação do Executivo PS suportado por PCP e BE. Em sentido contrário, 10,4% acham que o Governo agiu mal ou muito mal.
À Esquerda, nenhum eleitor de PS, BE e PCP classifica a atuação do governo com nota negativa. À direita, quase 30% dos inquiridos que normalmente votam PSD aplaudem o desempenho de António Costa. Já no CDS, essa percentagem baixa para 16%.
CM

IPSS - INSTITUIÇÕES PARTICULARES DE SURRIPIANÇO SOCIAL


Compras suspeitas de robôs de cozinha, lingerie, sapatos e picanha, desvio de dinheiro ou até roupa vendida em feiras em vez de ser doada em África: estas são algumas das suspeitas de irregularidades de instituições de solidariedade social investigadas durante este ano. Caso mais recente, que está a provocar grande polémica, envolve a Associação Raríssimas


Expresso

O ÓPIO DO POVO

IURD operava rede internacional de tráfico de crianças em Portugal



Dezenas de famílias foram afectadas. Os netos de Edir Macedo terão sido adoptados de forma irregular através dessa rede.
Sábado