terça-feira, 2 de maio de 2017

FELIZMENTE HÁ EDITORES

Desde o início da década de 1980 na edição, Francisco Vale é hoje o mais destacado editor literário português e somou mais um espetacular triunfo ao conquistar Agustina para o seu catálogo. Depois de resistir ao fenómeno da concentração editorial e crescer durante a crise, aliando o rigor dos critérios a uma gestão cautelosa, a Relógio D’Água tornou-se o exemplo a seguir
"I"

LER MAIS: https://ionline.sapo.pt/artigo/560705/francisco-vale-os-intelectuais-estao-hoje-a-defesa-face-a-esta-rebeliao-das-massas?seccao=Mais_i

Sem comentários: