domingo, 3 de janeiro de 2016

A PROPAGANDA SEM DISFARCE




Isto é a capa do jornal do grupo das mercearias Continente. Mas isto não é só a capa do jornal do grupo das mercearias Continente. É também, e sobretudo, um outdoor de propaganda de um candidato à presidência da República.
Há aqui duas evidências. A primeira: torna-se cada vez mais difícil distinguir um jornalista de um moço de fretes. A segunda: fica explicada a razão por que Marcelo não precisa de outdoors com a sua fotografia - prefere o jornal de 'referência' do grupo das mercearias Continente.
E há também uma consequência imediata e que me diz respeito: a partir deste mês, o tesoureiro da empresa deixará de contabilizar, no lado das receitas, os montantes das minhas assinaturas. ACABOU!

1 comentário:

Daniel Nobre Mendes disse...

DESDE HÁ MUITOS ANOS QUE NÃO LEIO NEM COLABORO EM JORNAIS PORQUE OS JORNALISTAS PASSARAM A SER VEÍCULOS PARA A NORMALIZAÇÃO DOS LEITORES E O QUE DEFENDEM É A VLEZA DA AGR6ESSÃO BRUTA DOS GRANDES GUPOS DO CAPITAL DELES PROPRIETARIOS- DESSES ESCREVINHADORES E DOS JORNAIS ONDE VERTEM TODA A "PASTELADA" DE MERDA COM QUE ENVENENAM E MOLDAM Ó PUBLICO LEITOR!

MARCELO NÃO TEM ESTATUTO E QUALQUER COISA SERVE PARA O REPROMOVER NESTE PAÍS SEM VALORES E MORAL.

MARCELO NÃO SERÁ O MEU PRRESIDENTE- É FASCISTA E TRAPALHÃO!!!